A magia da tântrica

em

Goddess eye and Color space background with stars.

Essa massagem tem como principal objetivo despertar a consciência do potencial bioelétrico do nosso corpo. A pulsação do coração, a queima de oxigênio pelas células, diversos processos do nosso metabolismo geram energia no nosso organismo. Um deles, inclusive, é o orgasmo, que nada mais é do que uma reação neuro-muscular que, dados certos estímulos, vai acumulando energia nos músculos até atingir um ponto de não sustentação. A energia então é liberada e o orgasmo acontece.

E é um erro nosso pensar que o orgasmo está vinculado unicamente aos estímulos sexuais. Na verdade, ele pode ser sentido pelo corpo todo, uma vez que os estímulos corretos sejam aplicados. É possível ainda encadear diversos grupos musculares na sensação orgástica, tornando-a mais prolongada, inclusive com efeitos terapêuticos.

A energia sexual desassociada do sexo

Um terapeuta tântrico lida com uma energia muito intensa e em uma linha muito sutil. Toda a população é (des)educada de maneira completamente neurótica quanto à sexualidade. Existe muito preconceito, muito tabu, muito pecado e pouquíssima informação de qualidade pra quem busca uma relação mais saudável com a sua energia sexual. É normal que, sempre que falemos em genitais ou energia sexual as pessoas associem imediatamente a ideia de que irão ter uma relação sexual com o terapeuta. É comum; só mostra como somos educados de maneira extremamente limitada quanto à nossa sexualidade. O Tantra apresenta uma visão amoral e científica da coisa, usando toda a energia produzida pelo corpo como instrumento meditativo e de elevação da consciência. É isso que acontece em uma sessão de massagem tântrica assim que você conseguir ultrapassar a barreira das fantasias, do fetiches vazios e inacabáveis que só alimento a sexualidade mental e desligam todo o restante do corpo da sua experiência.

Lidar com a energia sexual em um contexto meditativo, receptivo, é algo que irá transformar a relação de todo o seu corpo com a sua sexualidade. E isso não tem nada a ver com sexo. O sexo não transforma nada; ele reprime. Reprime pois o compreendemos de maneira moralista, cheia de ideais, de poses perfeitas, de anatomias cinematográficas e quantas firulas mais a criativa indústria pornográfica for capaz de inventar.

Sair da cabeça e ir para o corpo, para o coração. Pensar menos e sentir mais a sua energia sexual, intensificá-la até o nível terapêutico e transformador. Essa é a proposta de um tratamento com massagem tântrica.

Existem 4 etapas no tratamento por Massagem Tântrica:

SENSITIVE
Na massagem introdutória do Método Deva Nishok, o foco é a percepção e a expansão da bioenergia, juntamente com a conexão de todos os agrupamentos musculares na sensação orgástica. Estímulos inéditos criam novas sinapses.

ÊXTASE TOTAL
No segundo nível de massagem, a bioeletrecidade é estimulada em todo corpo, porém inicia-se o trabalho com os genitais. Os estímulos são mais focados e a sensação orgástica é ainda mais intensa. Antigos condicionamentos ligados à sexualidade começam a ser ressignificados.

LINGAM e YONI
Já no terceiro nível o trabalho nos genitais é intensificado. Os músculos da vagina e do pênis recebem um trabalho de tonificação ainda mais intenso, concentrando mais bioeletrecidade, transformando a energia do orgasmo em uma sensação transcendental.

G-SPOT e P-SPOT
No último estágio, o orgasmo é expandido e a pessoa sente uma outra qualidade de prazer. Os estímulos agora são levados até a Glândula de Grafember nas mulheres e até a Próstata nos homens. A bioenergia vai ao seu limite máximo.

Quais os benefícios desse tratamento?

  • Melhor do que falar pra quem se destina esse tipo de tratamento é dizer os resultados que a Terapêutica Tântrica surtem nos homens e mulheres atentidos. Resultados vividos de maneira prática, que são mais sentidos pelo corpo do que compreendidos pela mente.
  • Fortalece, tonifica e vitaliza os genitais, o que proporciona uma maior sustentação de energia e quebra paradigmas ligadas à sexualidade. Homens perdem problemas em relação à ereção e mulheres deixam de sentir dores durante o sexo, por exemplo;
  • Auxilia na cura de disfunções sexuais (baixa libido, ausência de orgasmo, ejaculação precoce, impotência, vaginismo, baixa lubrificação vaginal, entre outras);
  • Desperta a consciência da Bioeletricidade, a energia produzida pelo nosso corpo, que tem propriedades terapêuticas;
  • Regula a produção hotmonal de hormônios ligados à sensação de prazer, como a endorfina, serotonina e ocitocina. Desregulagem na produção hormonal pode levar a uma série de patologias, dentre elas a depressão;
  • Orgasmos múltiplos, secos e ejaculatórios – um novo limiar de prazer para o seu corpo, que é atingido ao serem inseridos todos os grupos musculares do corpo ao mecanismo reflexo do orgasmo;
  • Desperta regiões sensoriais adormecidas ou condicionadas pela repetição constante de processos masturbatórios;
  • Dissolve bloqueios psicológicos que inibem o fluxo de energia, afetando o prazer. Bloqueios que William Reich chamava de couraças – condições emocionais que interferem no nosso corpo físico e energético.

Também é preciso notar que, quanto mais energia se consegue acumular, mais forte e intenso acaba sendo o orgasmo. E, para sustentar altos níveis de energia, os músculos estimulados precisam estar saudáveis e tonificados. Assim como na academia – quanto mais você treina, maior o peso que consegue carregar – funciona também o condicionamento e o treinamento dos músculos para a sensação orgástica. E, embora essa sensação possa ser sentida por todo o corpo, os estímulos nos genitais proporcionam sim reações mais fortes, dadas as altíssimas quantidades de terminações nervosas que possuem. Ou seja, se você trabalha a musculatura dos genitais – conseguindo assim acumular mais energia nessa região – consegue intensificar ainda mais o seu potencial orgástico.

Embora seja um tratamento de massagem que lida com a energia sexual da pessoa, não espere sexo em uma sessão de Massagem Tântrica. A ideia desse trabalho é desenvolver sua sexualidade, quebrando os paradigmas criados por situações do passado, alterando sua relação com o seu prazer, dissolvendo as couraças que experiências traumáticas possam ter implementado no seu corpo. E absolutamente nada disso seria conseguido se, em uma sessão de Massagem Tântrica, o Terapeuta transasse com o seu interagente. Muito pelo contrário – esse tipo de comportamento apenas reforçaria os antigos condicionamentos. Vale a pena repetir: não ocorre sexo na massagem tântrica.

É interessante deixar claro que as massagens, mesmo apresentando efeitos significativos isoladamente – uma sessão pode ter resultados surpreendentes – fazem parte de um tratamento com começo, meio e fim. Ao contrário do trabalho de um massagista – que age pontualmente em alguma questão – o trabalho da massagem tântrica é feito por um Terapeuta e tem uma evolução. Seja qual for o motivo que leve você a uma sessão de Terapia Tântrica – tratamento de disfunção sexual, depressão, autoconhecimento ou mera curiosidade – a assimilação dos estímulos novos é um processo cumulativo. O corpo se desenvolve ao longo das massagens e o resultado só melhora com o tempo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s